Quinta-Feira, 19 de Outubro de 2017

Em preparação à Romaria - 5º dia: Novena de N. Sra. da Salette

Publicado em MARCELINO RAMOS
Lido 46 vezes
Avalie este item
(0 votos)

 

5° Dia: 14/09/2017

ESCOLHE, POIS, A VIDA.

RITOS INICIAIS

Animador: Irmão e irmãs, sejamos todos bem-vindos para este nosso encontro comunitário de irmãos. Hoje, estamos unidos e reunidos para celebrarmos a 5ª noite da novena em preparação à grande solenidade em honra a Nossa Senhora da Salette.  Nossos passos já estão bem adiantados e, na confiança de que Maria nos conduz a Seu Filho amado, sigamos firmes e esperançosos a nossa caminhada cantando:

v  Procissão

v  Acolhida

v  Ato Penitencial

v  Glória

v  Coleta

LITURGIA DA PALAVRA

Animador: Quando falamos hoje em questões relacionadas à vida, muitos de nós, imediatamente sentimos uma forte dor no peito e na consciência, pois nos damos conta de que, a vida, dom precioso concedido por Deus a toda sua criatura, se vê constantemente ameaçada em todos os seus níveis de existência nesta nossa Casa Comum, a Terra.

Para que possamos aprofundar essa temática, vamos escutar atentos a leitura proposta para hoje.

 

PRIMEIRA LEITURA – Dt 30, 15-20

Leitura do Livro do Deuteronômio:

“Vê que eu hoje te proponho a vida e a felicidade, a morte e a desgraça. Se obedeceres aos preceitos do Senhor teu Deus, que eu hoje te ordeno, amando ao Senhor teu Deus, seguindo seus caminhos e guardando seus mandamentos, suas leis e seus decretos, viverás e te multiplicarás, e o Senhor teu Deus te abençoará na terra em que vais entrar, para possuí-la. Se, porém, o teu coração se desviar e não quiseres escutar, e se, deixando-te levar pelo erro, adorares deuses estranhos e os servires, eu vos anuncio hoje que certamente perecereis. Não vivereis muito tempo na terra onde ides entrar, depois de atravessar o Jordão, para ocupá-la.

Tomo hoje o céu e a terra como testemunhas contra vós, de que vos propus a vida e a morte, a bênção e a maldição. Escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e teus descendentes, amando ao Senhor teu Deus, obedecendo à sua voz e apegando-te a ele – pois ele é a tua vida e prolonga os teus dias -, a fim de que habites na terra que o Senhor jurou dar a teus pais Abraão, Isaac e Jacó’.”

Palavra do Senhor.Graças a Deus.

RESPONSÓRIAL – Sl 1, 1-3

É feliz quem a Deus se confia!

1. Feliz é todo aquele que não anda

conforme os conselhos dos perversos;

que não entra no caminho dos malvados,

nem junto aos zombadores vai sentar-se;

mas encontra seu prazer na lei de Deus

e a medita, dia e noite, sem cessar.

2.Eis que ele é semelhante a uma árvore,

que à beira da torrente está plantada;

ela sempre dá seus frutos a seu tempo,

e jamais as suas folhas vão murchar.

Eis que tudo o que ele faz vai prosperar.

3.Mas bem outra é a sorte dos perversos.

Ao contrário, são iguais à palha seca

espalhada e dispersada pelo vento.

Pois Deus vigia o caminho dos eleitos,

mas a estrada dos malvados leva à morte.

 

EVANGELHO - Jo 10,11-18

 O Senhor esteja convosco.

Ele está no meio de nós.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus: “Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a vida por suas ovelhas. O mercenário, que não é pastor e não é dono das ovelhas, vê o lobo chegar, abandona as ovelhas e foge, e o lobo as ataca e dispersa. Pois ele é apenas um mercenário que não se importa com as ovelhas.

Eu sou o bom pastor. Conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem, assim como o Pai me conhece e eu conheço o Pai. Eu dou minha vida pelas ovelhas.

Tenho ainda outras ovelhas que não são deste redil: também a elas devo conduzir; elas escutarão a minha voz, e haverá um só rebanho e um só pastor.

É por isso que meu Pai me ama, porque dou a minha vida, para depois recebê-la novamente. Ninguém tira a minha vida, eu a dou por mim mesmo; tenho poder de entregá-la e tenho poder de recebê-la novamente; essa é a ordem que recebi de meu Pai”.

Palavra da Salvação. Glória a vós, Senhor.

HOMILIA

ORAÇÃO DOS FIÉIS

Padre: Com fé e perseverança, na dor e no sofrimento para que, estes sentimentos nos ajudem a mudar nosso modo de viver e agir nesta Casa Comum, tornando-nos conscientes, responsáveis e reverentes diante de toda e qualquer espécie de vida neste planeta para assim construirmos a civilização do amor de da paz, rezemos:

Senhor, ensina-nos a defender a vida.

1 - Pela Igreja de Deus, para que acolha com fidelidade e alegria Aquele que a Virgem imaculada concebeu pela palavra, rezemos ao Senhor.

2 - Pelo progresso e a paz do mundo, rezemos ao Senhor.

3 - Pelos que padecem fome, doença ou solidão, para que a misericórdia do Senhor os conforte, rezemos ao Senhor.

4 - Pelas famílias de nossa comunidade, para que acolham Cristo no pobre, rezemos ao Senhor.

Padre: Pai Santo, Amor Criador, Senhor da vida, Deus providente e todo-poderoso: desde toda a eternidade quisestes o ser e a vida de cada um de nós, e enviastes o vosso Filho ao mundo a fim de que tenhamos a Vida e a tenhamos em abundância. Dai-nos o vosso Espírito vivificante para que, sempre e em qualquer circunstância defendamos a vida desde a sua concepção até o seu fim natural. Isso vos pedimos por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.

 

LITURGIA EUCARÍSTICA

Animador: Irmãs e irmãos, o texto do Deuteronômio que acabamos de ouvir, põe também hoje, diante de todos nós, dois caminhos que, na liberdade que Deus nos criou, devemos escolher. Ou seja, vida e felicidade ou morte e desgraça. Não há como qualquer um de nós se eximir de uma das escolhas, pois a cada momento em nossa vida, no que fazemos e nos atos que praticamos se revela o que desejamos para nós mesmos e para aqueles que conosco vivem nesta nossa Casa Comum. Nos coloquemos, pois, a favor da Vida e apresentemos no altar do Senhor todas as pastorais sociais que defendem a vida e a causa do pobre.

(Entrar no ofertório cartazes com o logo das pastorais sociais: Criança; pessoa idosa; carcerária, saúde)

v  Oração Eucarística

v  Rito da Comunhão

v  Silêncio

v  Oração pós Comunhão

 

MOMENTO MARIANO

Padre: Nossa Mãe é defensora da dignidade humana, especialmente daqueles menos favorecidos, que precisam ainda mais do seu amparo e proteção. Ela sabe o valor que tem cada um de seus filhos. Por isso, no nosso momento Mariano de hoje, nos aproximemos de Nossa Senhora e, a seus pés consagremos a ela as nossas Vidas.

Consagração a Nossa Senhora da Salette

Ó Bela Senhora, o amor de Mãe vos trouxe à montanha da Salette onde chorastes por mim e pelo mundo.

Vede que hoje me consagro a vós sem reservas. Desde agora, minha alegria será em saber que sou vosso filho.

Quero consolar vosso coração e acabar com vossas lágrimas. Convosco ponho minha vida a serviço da reconciliação.

Encomendo à vossa proteção maternal todo o meu ser, toda minha esperança e alegria, todo obstáculo e dor.

Ofereço-vos toda minha vida até os fins dos tempos.

Peço-vos que guieis meus passos no caminho do Evangelho.

Que minha vida seja um serviço perfeito que “derrube os poderosos de seus tronos e eleve os humildes”.

Assim amparado por vós seguirei com entusiasmo e sem medo no caminho do serviço deixado por vós e por vosso Filho. Amém.