Quarta-Feira, 29 de Marco de 2017

PALAVRAS DE DOM PAULO AOS SALETINOS

Lido 60 vezes
Avalie este item
(0 votos)

PALAVRAS DE DOM PAULO AOS SALETINOS

Palavras de Dom Paulo Evaristo Arns aos Missionários Saletinos, por ocasião da Celebração do Centenário, no livro “Crônicas de uma missão”.

“Com jubilosa amizade felicito os Missionário de Nossa Senhora da Salette pelo transcurso de seu 1º Centenário de Missão no Brasil. Como franciscano, desejo-lhe de coração: PAZ E BEM!

A presença saletina em terras brasileiras tem seu marco inicial na chegada de Pe. Clemente Henrique Moussier MS em São Paulo, a 18 de dezembro de 1902. Em 1904, Pe. Clemente, num gesto de verdadeira opção pelos pobres, assumiu a Paróquia de Sant´ Ana, no bairro de Santana, área então abandonada e de periferia da capital paulista.

Santana se tornou o elo de meu fraternal afeto para com os Missionários Saletinos. Elevada a Região Episcopal, e uma vez nomeado Bispo, ali residi, participando estreitamento da comunidade local dos Saletinos que serviam a Paróquia. Mais tarde, ao ser nomeado Arcebispo Metropolitano de São Paulo, um deles, Pe. Clorálio Caimi MS, desempenhou por alguns anos o ministério de Vigário Episcopal da Região Norte da cidade de São Paulo. Tive também a alegria de, em 1972, sendo Superior Provincial o Pe. Atico Fassini MS, erigir a Paróquia de Nossa Senhora do Carmo, na Vila Paulistana, confiada aos cuidados do saudoso colaborador meu, no âmbito da Comissão Arquidiocesana de Direitos Humanos, Pe. Olívio José Bedin MS, dedicado à causa dos empobrecidos.

Sempre unido a esses Missionários, foi-me dada a graça de fazer uma peregrinação ao Santuário de Nossa Senhora da Salette, na França, berço de sua Congregação. Da mesma forma, tomei parte de uma Romaria a Nossa Senhora da Salette, em Marcelino Ramos, RS, Santuário aos cuidados dos Saletinos. Foram experiências pessoais gratificantes, imerso na fé no Senhor Jesus e no amor filial a Maria que o povo de Deus carrega no coração.

A história dos Missionários no Brasil foi tecida com imensa generosidade, pela causa do Reino, na afeição evangélica a Maria e no serviço ao nosso povo. Felicito, pois, os Missionários de Nossa Senhora da Salette, por seu ministério apostólico nos cem anos de presença no Brasil.

Felicito igualmente o Pe. Atico Fassini Ms, pela elaboração da presente obra, “CRÔNICAS DE UMA MISSÃO- 100 anos de presença saletina no Brasil”. A pesquisa feita recupera a memória dessa caminhada centenária. Êxitos e crises, realizações e insucessos são recolhidos com humildade e verdade, com reconhecimento e júbilo. O texto é um espelho da vida vivida e promovida pelos Missionários de Nossa Senhora Salette, inseridos na Igreja de nosso Brasil, no último século.

Sobre todos eles imploro a bênção fecunda do Senhor pela intercessão materna de Maria.

São Paulo, Festa da Assunção de Nossa Senhora, 2001.

 

Paulo Evaristo, Cardeal Arns, Arcebispo Emérito de São Paulo”

Mais Lidas